terça-feira, março 21, 2006

Paixão e Exceção: Borges, Evita, Montoneros


Continuo nas leituras sobre a Argentina e andei me deliciando com “A Paixão e a Exceção – Borges, Eva Perón, Montoneros”, de Beatriz Sarlo, uma das melhores críticas literárias argentinas, país em que a literatura é mania nacional só rivalizada pelo futebol. Mais do que isso, Sarlo é uma ensaísta social de grande talento, que constrói pontes inesperadas entre cultura e política. Afinal, como ligar um escritor do chamado realismo mágico com a mitológica primeira-dama e o maior grupo guerrilheiro da América Latina? A resposta desvenda tramas da Argentina contemporânea.

Em 1970 os Montoneros fizeram uma estréia explosiva na política, seqüestrando e assassinando o general e ex-presidente Pedro Aramburu. Em 1955, ele havia liderado o golpe militar que depôs Perón. Um dos atos da ditadura recém-estabelecida foi sumir com o cadáver de Evita, que estava exposto na principal central sindical do país. O corpo permaneceu desaparecido por quase 20 anos – uma das exigências dos Montoneros para soltar Aramburu era que os militares devolvessem Evita.

Ora, o peronismo não acabou com a deposição e exílio do líder. Pelo contrário, a ausência lhe deu um ar místico e o movimento idealizou a figura do ex-presidente e de sua primeira-dama. Na radicalização política dos anos 60, um grupo de católicos de esquerda misturou Cristo, Marx, Perón e Evita e fundou os Montoneros. O nome é o das antigas colunas guerrilheiras dos Pampas, uma espécie de cangaço que existiu na época das guerras civis do século XIX.

É claro que essa mistura inconsistente e explosiva não podia dar boa coisa e poucos grupos de luta armada foram tão ousados e violentos. Na mesma época, o mais respeitado dos escritores argentinos, Jorge Luís Borges, escreveu contos bizarros sobre vinganças regadas a sangue e degolas, pouco comuns em sua obra. Na brilhante análise de Sarlo, Borges – em geral considerado fantasioso e apolítico – torna-se o comentarista arguto de uma Argentina enlouquecida pelas paixões e agressões políticas, que nem a morte consegue encerrar.

Em tempo: os Montoneros seqüestraram novamente Aramburu – isto é, seu cadáver – quatro anos depois da primeira vez. Exigiram novamente a devolução do corpo de Evita. Foram atendidos.

O livro de Sarlo é uma obra-prima que começa com o exame de como Evita se tornou um mito, discutindo sua meteórica ascensão de atriz de rádio de segunda linha ao posto de primeira-dama, papel que exerceu de forma inovadora, posicionando-se como uma figura pública com uma mensagem social na era de política de massas. Sarlo examina as velhas fotos, os vestidos de Evita e faz uma análise inovadora da propaganda dos peronistas, mostrando como estavam atentos para a força política do rádio, do cinema e da fotografia.

Sarlo esmiuça com a mesma atenção os documentos dos Montoneros, lendo seus manifestos como um gênero literário de suspense e melodrama cristão e desvendando as entrelinhas de sua correspondência com o Perón. Exilado na Espanha, o ex-presidente achou que podia manipular seus jovens e revolucionários admiradores, com conseqüências trágicas para todos.

Pensemos um pouco nelas, nesta semana em que a Argentina relembra os 30 anos de seu mais recente golpe militar. Oxalá tenha sido o último.

7 Comentarios:

Blogger Glauco Paiva said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Tomara... Mas com essa história de centrais de inteligência da Marinha espionando todo mundo... sei não, hein! O pior é pensar que, se outro golpe chegar por lá, Búzios vai ficar realmente insuportável.

março 22, 2006 3:57 PM  
Blogger Mauricio Santoro said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Não se preocupe, meu caro. Com os métodos de gestão de prisioneiros da Marinha argentina, a galera não chega nem a Porto Alegre, a não ser que a corrente leve os cadáveres...

Abs

março 23, 2006 10:11 AM  
Blogger debytes said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Pobre Argentina - tão perto do Br e tão longe da Lógica.



Dias atrás conversando com um amigo argentino mais velho, ele me conta que a Dona Evita chamava os empresários a Casa Rosada (alias nome de um puteiro aqui em CWB) e pedia uma contribuição para a Fundação Eva Perón - nunca menos que 1 milhão de dólares (...isso a época !!!) e se o sujeito não desse, era taxado pelos jornais (provavelmente pelo mesmo Lá Nacion bonzinho de agora) de inimigo do povo (da-lhe Ibsen) , "explotador de los descamisados” e outros chavões Peronistas.



Dai pra uma noite queimarem o Jokey Club, foi um pulinho.



Piazolla dizia (e Borges confirmava) que mais que os militares, Perón foi quem destruiu a argentina, dividindo a nação, maniqueistamente entre peronistas e guzanos, como fica claro no texto do Grodona.



A mim parece que os argentinos são hiperbólicos. O Vargas de lá foi muito pior que o nosso talvez por ter pegado um pais já rico, cujo Banco Central dizia ele aos trabalhadores a partir da famosa sacadinha onde Madona depois filmaria, estava tão cheio de ouro, que era impossível caminhar lá dentro.



Os Lula de lá (enquanto lideres Sindicais ) inflados por Perón eram corruptos a Medula. Certa vez em Punta, perguntei ao amigo uruguaio, a quem pertencia determinada Mansão que lembrava San Simenon do Hearst, se a Amalita ???, ao Perez Compac ??? ao Pescarmona, los duenos de Argentina. Não, ao ex presidente da CGT.



O Mariga deles, o tal Fiermenich, auto intitulado secretario geral dos montoneros, o braço armado do Peronismo, hoje vivendo no exílio dourado próximo a Barcelona , e que num certo momento briga com Peron (???), contava lá por 74 com um caixa de mais de 100 milhões de dólares, fruto de seqüestros assaltos e extorções. Só o dos irmãos Born, donos a época da atual Bunge, rendeu 60. E eles, os Montos, era considerados "blandos" pela turma do ERP, liderado por outra gracinha de pessoa, um tal Santucho.



Se comparados com a guerrilha brasileira cujo arsenal era um 22 , duas atiradeiras e uma garrucha da guerra do Paraguai, da para entender (mas não justificar, por favor) por que os Médici de là , Massera, Videla, Mason entre outros, mataram 30 mil ao invés dos parcos 300 daqui.



E talvez tenham sido menos mortos do que os Montoneros/ ERP teriam contabilizado se tivessem chegado ao poder, antes de começar a se matar uns aos outros.



Veja o Chile. Odeio o Pinochet tanto quanto qualquer um que se preze, mas assista o excelente, embora longo, Batalha do Chile e entendera que se Allende não caísse para a direita momia, cairia para a esquerda do ultra stalinista do MIR. Aquilo só se tornaria outra Cuba por cima do cadáver de Kissinger e de muitíssimos chilenos, num paredão que iria de Iquique a Punta Arenas. Caso contrario a sabotagem de parte importante da classe media, industriais e outros inviabilizaria o pais. Ou seja, a partir de certo momento, carnificina seria inevitável. O que você acha que o doce Che Guevara se ocupava, no inicio de 1960 ?



Mas de volta a Argentina, em meio a anarquia setentista, o capital, bicho arisco como é, transferiu as unidades produtivas para outros paises, Br incluso e enviou tanto dinheiro quanto possível para o exterior, fazendo o Banestado daqui parecer banco de praça.



Dai fica fácil entender o resto da historia.

outubro 20, 2006 11:56 AM  
Blogger ninest123 said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

ray ban sunglasses, air jordan pas cher, ray ban sunglasses, ralph lauren pas cher, ray ban sunglasses, nike roshe run, nike free, sac longchamp, tory burch outlet, longchamp, louboutin shoes, chanel handbags, nike air max, ugg boots, prada outlet, oakley sunglasses, oakley sunglasses, oakley sunglasses, polo ralph lauren outlet, oakley sunglasses, kate spade outlet, nike free, cheap oakley sunglasses, nike outlet, louis vuitton outlet, prada handbags, nike air max, louis vuitton, polo ralph lauren outlet, jordan shoes, air max, tiffany and co, louis vuitton outlet, burberry, replica watches, louboutin pas cher, replica watches, louis vuitton, tiffany jewelry, uggs on sale, ugg boots, longchamp outlet, louboutin outlet, christian louboutin outlet, longchamp pas cher, louis vuitton, gucci outlet, longchamp outlet, michael kors, louboutin

julho 01, 2016 11:12 PM  
Blogger ninest123 said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

oakley pas cher, timberland, new balance pas cher, mulberry, burberry, true religion jeans, michael kors outlet, michael kors outlet, michael kors, replica handbags, michael kors, coach outlet, hermes, nike air max, nike air max, burberry outlet online, converse pas cher, nike air max, coach purses, ralph lauren uk, north face, tn pas cher, sac guess, lacoste pas cher, hollister pas cher, ray ban uk, ugg boots, north face, michael kors outlet, air force, true religion jeans, true religion jeans, abercrombie and fitch, michael kors outlet, hogan, true religion outlet, kate spade handbags, nike roshe, michael kors outlet, coach outlet, hollister, vanessa bruno, ray ban pas cher, michael kors, nike free run uk, vans pas cher, lululemon, ugg boots, nike blazer, michael kors

julho 01, 2016 11:25 PM  
Blogger ninest123 said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

soccer shoes, abercrombie and fitch, ray ban, celine handbags, lululemon, nike air max, nike trainers, new balance, louboutin, iphone cases, giuseppe zanotti, soccer jerseys, hollister, hollister, oakley, instyler, nike air max, nike roshe, nike huarache, mcm handbags, nfl jerseys, asics running shoes, gucci, hollister, insanity workout, mont blanc, timberland boots, p90x workout, vans, valentino shoes, chi flat iron, wedding dresses, longchamp, bottega veneta, north face outlet, beats by dre, vans shoes, mac cosmetics, herve leger, reebok shoes, north face outlet, birkin bag, ralph lauren, jimmy choo shoes, baseball bats, lancel, ghd, babyliss, ferragamo shoes, converse outlet

julho 01, 2016 11:32 PM  
Blogger ninest123 said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

supra shoes, toms shoes, karen millen, canada goose, marc jacobs, pandora jewelry, canada goose uk, juicy couture outlet, pandora charms, moncler, ugg pas cher, canada goose, canada goose, replica watches, bottes ugg, ugg,uggs,uggs canada, moncler, moncler outlet, moncler, sac louis vuitton pas cher, swarovski, moncler, moncler, canada goose outlet, wedding dresses, montre pas cher, coach outlet, canada goose, louis vuitton, links of london, louis vuitton, pandora jewelry, louis vuitton, doudoune canada goose, moncler, moncler, ugg boots uk, louis vuitton, hollister, swarovski crystal, juicy couture outlet, thomas sabo, ugg,ugg australia,ugg italia, canada goose outlet, pandora charms

julho 01, 2016 11:41 PM  

Postar um comentário

<< Home

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons License. Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com