quarta-feira, julho 13, 2005

Guerra de Pesquisas


Todos os homens do presidente Posted by Picasa

Um pouco depois de ter escrito sobre a possibilidade de impeachment, o iG News ligou para me entrevistar sobre a pesquisa da CNT/Sensus que indica que a popularidade do presidente e do governo não sofreu abalos com as denúncias de corrupção. O jornalista me passou os dados e conversamos sobre o que eles podem significar, com a ressalva de que a pesquisa divulgada pela Veja aponta para outras conclusões.

Claro, os governistas lembrarão que a Veja é tucana e os oposicionistas responderemos que a CNT é comandada pelo vice-presidente do PL, um aliado de Lula. Ambos temos razão. Neste quadro confuso, o melhor é analisar as duas pesquisas como sendo sérias e corretas, traçando dois cenários distintos.

Pela CNT/Sensus, os eleitores vêem os escândalos de corrupção como um problema do Congresso e do PT, mas a imagem do presidente e a própria avaliação do governo continuam positivas. Lula venceria as eleições de 2006 contra qualquer candidato. O cenário seria o de uma campanha eleitoral fortemente centrada na figura do presidente, procurando desvencilhá-lo ao máximo da imagem combalida do PT.

O grande risco desse cenário é que ele oporia um presidente popular a um Congresso oposicionista e louco para derrotar Lula através do telhado de vidro das denúncias. A chance de que essa queda de braço degenere as instituições em manobras de bastidores é muito forte. Alguém pensou na Bolívia e na Venezuela?

Enquanto isso, prosseguem as denúncias contra o governo, com uma nova leva de gravações, desta vez ligando Dirceu e Delúbio à máfia dos fiscais no Rio de Janeiro.

5 Comentarios:

Anonymous Simy said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Eu acredito nos dados, principalmente porque ecomicamente o Brasil cresce e tende a crescer. As pessoas estão vendo estes resultados. A mídia está mostrando tanto o lado ruim quanto o lado bom do Brasil atual. Claro que Veja é uma excessão, que só faz criticar, mas é bom que exista os dois lados para que nada fique encoberto. Veja vem fazendo um favor ao cidadão comum ao informá-lo da corrupção. Infelizmente este mesmo cidadão só vai saber do lado ruim da coisa toda. Agora impeachment não vai ter, ninguém quer isso hoje, nem a oposição e muito menos a base aliada. Se acontecesse agora poderia desestabilizar o país economicamente. Para mim o ideal para reeleição seria Antonio Palocci para presidente, mas ele não ganharia por não ser um "polítíco", ele não é simpático e é elitista não ganharia. Eu votaria nele.

julho 13, 2005 11:36 AM  
Anonymous Anônimo said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Favor anotar que o sr. Clesio Andrade é do PL de Alencar, aliado de Lula, mas é vice de Aécio, presidenciável tucano.

julho 13, 2005 3:51 PM  
Blogger Goldmoon said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Fugindo do assunto um pouco, que tal a mudança de paradigma que é passar de entrevistador a entrevistado? :)

julho 14, 2005 8:39 AM  
Blogger Mauricio Santoro said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Nika querida,

a mudança é menor do que parece à primeira vista. Não importa de que lado do gravador estamos, o compromisso com a informação é o mesmo.

E a prática do jornalismo habitua a gente a tentar se expressar com clareza e concisão, porque o tempo do distinto público é curto.

Bjs

julho 14, 2005 3:06 PM  
Blogger Bucaneiro Carioca said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Fala meus amigos.

Eu vejo esses números de várias formas. Primeiro o patrimônio do próprio Lula em termos éticos. Eu até acho que ele não é santo, mas sempre foi visto como tal, até quem não gostava dizia que ele era honesto porém "despreparado".

Segundo a forma como os membros da oposição se colocaram nesse episódio. PSDB falando em Lula não disputar a reeleição (a coluna de quinta ou quarta do Elio Gaspari foi muito boa)para receber seu apoio e também o PFL falando que o governo deveria sangrar e morrer sozinho. Essa postura era tudo que o PT queria pra dizer que é golpe e tudo mostra que tem esse lado também, soma de roubo com esploração do mesmo.
Uma outra coisa foi a CPI dos Correiros e a galera do Flash. Está se perdendo tempo demais com discurso politico e pouco tempo com investigação.
Terceito o nome do Lula não foi envolvido (e acho dificil que qualquer presidente tenha seu nome envolvido nesse tipo de coisa, Collor foi burrice mesmo, casa civil já é um escandalo).
Quarto a rejeição muito alta de lideres da oposição como FHC (+ de 60%). Outra coisa que está clara é o envolvimento de partidos como PP, PL, PTB e PMDB que estão juntos de todos os governos de forma direta ou indireta.
Tem também o papel estranho de parte da imprensa, a Veja fez tanta campanha contra que hj tudo que vem de lá é amortecido, se ela mostrar uma foto do Lula com uma mala cheia de dinheiro aberta em frente a ele, ninguém vai levar muito a sério.
Tudo isso faz com que dificilmente ele vá perder muitos votos.
Digo mais, se vacilar o PT ainda sai bem disso, basta colocar uma duzia de petistas culpados na cadeia e sair dizendo quando a campanha esquentar que no governo do PT até petista é punido quanto o que ocorre nos outros ninguém nunca viu.
Seria triste, seria obrigado a anular meu voto (nem o Psol serve depois do papel ridíiculo da Heloisa Helena na CPI) Agora o meu medo mesmo é o ENEAS! }Ai eu voto em qualquer um contra ele.

julho 15, 2005 7:24 PM  

Postar um comentário

<< Home

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons License. Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com