sábado, julho 09, 2005

Dólares na Cueca

Parece não haver limites para a auto-degradação do PT, como mostra a prisão de um dirigente do partido no Ceará preso com R$400 mil, sendo parte desse total em dólares, escondidos na cueca. Nos filmes sobre a máfia os criminosos têm mais dignidade. Alguém imagina dom Corleone dando tal vexame? Vai para casa, Genoíno! Foi para isso que você sobreviveu à guerrilha do Araguaia?

O desenrolar (ou enrolar?) da crise nesta semana foi bastante intenso. Tudo aponta para uma espécie de "renúncia branca" de Lula. A reforma ministerial caminha no sentido de tirar o PT do ministério. Nos bastidores, o presidente negocia com o PSDB o fim da reeleição, em troca de ser poupado e poder terminar o mandato. A manobra periga virar estudo de caso em ciência política, talvez nas aulas de "Introdução à Maracutaia".

Aprendi no IUPERJ que para que a democracia se fortaleça são necessárias institutições sólidas, que definam as regras do jogo e mantenham a competição entre os políticos dentro dos parâmetros da civilidade, ou ao menos dentro do Código Penal. Não sei mesmo nada sobre este país.

Ao menos as coisas caminham bem na vida privada. O serralheiro fez um excelente orçamento para colocar as grades em meu novo apartamento, as obras devem acontecer na segunda quinzena de julho. A se manter esse bom ritmo, tenho esperanças de terminar a reforma do imóvel já em agosto.

9 Comentarios:

Anonymous André Pessoa said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Eu acho que há uma grande diferença entre dizer "quero que suas atitudes sejam bem investigadas" e dizer "como o funcionário do seu irmão foi pego com dinheiro, então você é ladrão". Você tem irmãos, Maurício? Algum deles tem algum funcionário?

Abraços,
André

julho 10, 2005 12:39 AM  
Blogger Mauricio Santoro said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

André,

tenho um irmão que é advogado da União, foi liderança do PT no movimento estudantil e nessa dupla conndição acaba sabendo de muita coisa. Nenhum dos funcionários do meu mano anda com cem mil dólares na cueca. Aliás, nem ele nem eu vimos tanto dinheiro junto, nem quando comprei meu apartamento.

O que apareceu de escândalos de corrupção no governo até agora é apenas a ponta do iceberg. Meus amigos na imprensa, no governo e no ministério público me cantaram que vêm mais denúncias por aí, envolvendo o Banco do Brasil, empresas de mineração e fiscais fluminenses em conluio com o governo federal.

Abraços

julho 10, 2005 11:28 AM  
Anonymous André Pessoa said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Maurício, você tangenciou o sentido do que eu falei. O que eu quis lhe perguntar foi o seguinte: se hipoteticamente um funcionário do seu irmão aparecer com muito dinheiro sem explicação, ou mesmo algum outro tipo de falcatrua, eu posso vir aqui (ou qualquer pessoa) e dizer que você, Maurício, é ladrão?

Abraços,
André

julho 10, 2005 3:12 PM  
Blogger Mauricio Santoro said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

André,

se eu fosse o presidente de um partido político cuja cúpula inteira (presidente, secretário-geral, tesoureiro) está sob sérias acusações de corrupção, eu estaria muito vulnerável a ser chamado de ladrão.

Se além disso o meu irmão, que também é dirigente do partido, tivesse um assessor preso em flagrante com cem mil dólares na cueca, eu ficaria no mínimo bem mais vulnerável.

Até a corrupção exige o cumprimento de certas normas, pelo menos de higiene. Dólares em roupas íntimas são sujos em qualquer circunstância, mesmo que não contribuíssem para a auto-destruição da imagem do PT.

Abraços,

julho 11, 2005 10:45 AM  
Anonymous André Pessoa said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Maurício, eu acho que existe uma diferença imensa entre analisar a vunerabilidade de alguém perante acusações apressadas e ser o próprio vetor dessas acusações, que foi o que você fez.

Muita gente ignorante acredita que uma determinada pessoa é automaticamente culpada se ela tem um irmão ou amigo ou cônjuge ou amante ou parente ou subordinado que tenha cometido um crime. Pessoas esclarecidas deveriam saber que isso é uma generalização descabida.

Abraços,
André

julho 11, 2005 7:05 PM  
Anonymous Helvécio said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Ele é presidente de um partido envolvido em um imenso escândalo de corrupção. Os documentos comprovam a ligação dele com o Marcos Valério. Esse evento com o irmão dele é apenas um detalhe no meio do sujeira do PT. Não havia outra opção. Renunciar é o melhor para ele e para o partido já ferido pelas deñúncias que se comprovam dia após dia.

julho 12, 2005 9:32 AM  
Blogger Mauricio Santoro said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

André,

se você acha que o Genoíno é inocente sugiro que dê um emprego a ele. O rapaz está precisando. Você poderia contratá-lo, por exemplo, para cuidar de suas finanças pessoais.

Ah, mas o Genoínio confessou que assinou empréstimos sem olhar, em confiança ao Delúbio... Pois é. E ainda tem o cuecão.

Abraços

julho 12, 2005 11:33 AM  
Anonymous André Pessoa said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Maurício, nessa sua última mensagem você enveredou pela falácia da bifurcação, também chamada de "preto ou branco", que significa insinuar ou indicar que existem apenas duas alternativas para determinada situação, quando na verdade existem muitas outras.

Eu não preciso dar um emprego para alguém específico para provar que eu defendo o conceito genérico da presunção de inocência. Defender esse conceito, bem como o conceito de que uma pessoa não responde penalmente pelos atos de outra, é simplesmente uma atitude civilizatória.

Paro por aqui. O blog é a sua casa, e você tem o direito de dizer o que quiser nela, não cabendo a mim estender um assunto mais do que o razoável.

Abraços,
André

julho 12, 2005 3:06 PM  
Blogger Claudia said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Oi Mauricio!
Acabou de sair no GlobOnline: Relator diz que CPI deve investigar contrato de Valério com o Banco do Brasil (http://oglobo.globo.com/online/pais/169037668.asp)
Sua fonte está realmente bem informada. É bom saber que as investigações parecem evoluir e espero que sejam realmente conduzidas com seriedade. O que me preocupa é que estejamos vivendo uma espécie de caça às bruxas e que nosso caso descambe para as Bruxas de Salém, com participação da mídia no pré-julgamento e pré-condenação movidos à escândalos de conveniência. Sabemos que muitos destes escândalos refletem vícios antigos e práticas sistemáticas de maracutaias (como você mesmo colocou) que acontecem, no mínimo, desde o governo Collor.

julho 13, 2005 1:51 PM  

Postar um comentário

<< Home

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons License. Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com