segunda-feira, julho 04, 2005

A Culpa é da Glória Perez?

Ontem à noite eu zapeava pelos canais de TV e acabei assistindo a uma reportagem sobre os brasileiros que emigram ilegalmente para os EUA. O governo americano estima que o Brasil está em segundo lugar na lista dos clandestinos, atrás apenas do México.

A reportagem de Tatiana Chiari, da TV Record, foi muito competente. A jornalista conversou com brasileiros presos ao tentar atravessar a fronteira e mostrou as duríssimas condições dessa travessia, que costuma deixar mortos por fome, desidratação ou simples exaustão. É muito forte o sentimento de humilhação das pessoas detidas, muitas delas de idade avançada, outras pouco mais do que adolescentes.

Lá pelas tantas ela entrevistou a socióloga da Unicamp Teresa Sales, especialista em emigração brasileira, que culpou a novela "América" pelo aumento do número de pessoas que saem do Brasil para tentar a sorte nos EUA, inspirados pela visão idealizada do folhetim de Glória Perez.

Achei a situação um tanto inusitada, mas é exatamente a opinião defendida por meu irmão, que detesta a novela (ou afirma detestá-la) mas assiste a ela todo dia. Ele implica especialmente com a personagem da Deborah Secco, que encarna todos os clichês do sonho americano.

Penso na situação com um certo ceticismo. Num país em que a economia não cresce por mais do que espasmos há 25 anos, é natural que as pessoas queiram emigrar, e óbviamente a superpotência solitária é o destino mais em voga, inclusive pela atração cultural exercida pelo cinema, música e TV.

Mas como escrevi uma tese de mestrado sobre política americana, tendo a superestimar o que as pessoas sabem sobre os EUA. Talvez a novela realmente influa bastante e seja um fator chave na escolha. Afinal, duvido que meu bisavô soubesse muito a respeito do Brasil quando deixou a Itália.

BB, você continua a nos dever um post analítico sobre "América". Afinal, você é nossa Deborah Secco, guardadas as proporções de cintura, busto e quadris.

8 Comentarios:

Anonymous André Pessoa said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Que eu saiba, já faz alguns anos que o fluxo de brasileiros que emigram ilegalmente para os Estados Unidos aumentou, e que o que está acontecendo agora é simplesmente um maior espaço para esse assunto na imprensa, exatamente por causa da novela.

Temos que relativizar o poder de uma novela de mudar certas coisas. Aumentar a doação de órgãos, ou melhorar a compreensão sobre os muçulmanos ou as pessoas que usam cão-guia, é uma coisa. Outra coisa, completamente diferente, seria gerar um efetivo aumento do fluxo de emigração. Migrar ilegalmente para os Estados Unidos exige muito dinheiro e preparação. Não é uma novela que vai apressar isso.

julho 04, 2005 11:04 PM  
Anonymous EP said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

O que o André disse aí do lado é a grande fraude. Não houve aumento. Na verdade, há muitos meses, o número vem crescendo, mas a Globo passou a dar destaque ao número de prisões para "esquentar" a novela e criar polêmica.
Sem dúvida, as novelas da Globo são um desserviço à nação, mas desta vez me parece que sua influência é um tanto limitada.

julho 05, 2005 1:48 AM  
Blogger Bruno Lopes said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Dá-lhe Maurício, seus 17 leitores agora devem ser 34! :-)

Realmente, os comentários estão corretos. Uma coisa é mudar o penteado para seguir o da estrela de TV, outra bem diferente é deixar amigos, família e (falta de) emprego e se mudar para outro país.

E onde estão os dados que embasam essa socióloga? A novela estreou há pouco meses, os números sobre imigração são produzidos com um certo atraso, nem deve haver tempo para que isso possa ser medido.

julho 05, 2005 9:00 AM  
Blogger BB said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Eu? Débora Secco? ;-)

Se a tal tese do aumento de imigrantes brasileiros para os EUA devido à novela for verdadeiro, então não quero nem pensar nos efeitos daquele "núcleo mexicano" nas relações Brasil-México!

Infelizmente(?), acho as novelas da Glória Perez muito chatas. A grande chave de interpretação da sociedade brasileira parece estar mesmo na novela das sete, escrita pelo Falabella. Mais sobre isso em alguns dias.

Grande abraço.

julho 05, 2005 9:10 AM  
Blogger Mauricio Santoro said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Car@s,

a reportagem citava o dado de 18 mil brasileiros presos neste ano, mas não mencionava o aumento que isso representou (ou o fez antes que eu ligasse a TV, peguei a matéria já em andamento).

Como a reportagem foi da Record, pode ser que a emissora tenha forçado a barra para criticar a Globo. Tudo é possível.

Abraços,

julho 05, 2005 10:40 AM  
Blogger Bucaneiro Carioca said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Fala Maurício,

Eu acho que novele influi em muita coisa, mas não sei se influiria tanto em algo tão radical, afinal, pegar um Ita e ir pros EUA não é assim tão fácil... O máximo que poderia acontecer é um cara ter duvidas sobre ir ou não e ser estimulado a ir. E eu nem sei se o processo é só esse mesmo, derrepente tem outras formas.
Eu particularmente detesto as histórias da Gloria Perez, tenho muita aversão a essa coisa de rodeios e suas imitações de western americano. Gostaria muito de ver modas de viola e coisas caipiras e não isso. Mas tenho que reconhecer que sou culturalmente um romantico rs...

julho 05, 2005 12:34 PM  
Anonymous Simy said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Não tem nada a ver com a novela. A nossa "socióloga" deveria saber que mais 70% dos brasileiros iriam para os EUA se pudessem. Portanto o número de pessoas que tentam entrar nos EUA só tende a aumentar mesmo. Aliás a novela de Glória Perez tá uma bosta, Murilo Benício e Débora Seco ninguém merece, nem brasileiro merece.

julho 05, 2005 2:40 PM  
Blogger el pupo said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Os mexicanos nos dizem que o número de brazucas que são pegos-rejeitados-denied entrance tentando emigrar (a única estatística possível pra se estimar essas coisas) subiu muitos porcentos (não me lembro quantos) desde o começo da novela.
Salvo engano, brazucas são hoje o segundo ou terceiro maior contingente de gente pega passando pelo México pra ir pros EUA.
Pra quem quiser mais info, acho que o Senador Crivella tem os dados bonitinhos.

julho 06, 2005 12:39 AM  

Postar um comentário

<< Home

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons License. Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com