quarta-feira, janeiro 19, 2005

O Ciclo Barroco

Um mes antes de ir para o Brasil de ferias, tive o prazer de ler o livro "Cryptonomicon" de Neal Stephenson. Como disse antes, o livro ia para todos os lados, da Segunda Guerra Mundial aos tempos atuais. De acordo com entrevistas, Stephenson tinha dois objetivos principais ao contar sua historia: falar das origens do computador e do uso do dinheiro como meio circulante. O primeiro surge da necessidade durante a II Guerra de produzir codigos criptograficos estaveis e quebrar os do inimigo, calculando todas as possibilidades em tempo habil. Para o segundo, ele apresenta a passagem do ouro para o dolar depois da guerra e, subsequentemente, para os creditos interneticos nos tempos atuais.

Depois de escrever seu calhamaco de 1000 paginas, Stephenson nao ficou satisfeito. Tanto as origens do dinheiro moderno e do calculo matematico remontam, no minimo, ao periodo do iluminismo cientificista que comeca no seculo 17. Por que entao nao fazer algo que conte uma historia nesse periodo?

Ele fez. Chama-se "The Barroque Cycle" e, por enquanto, jah tem tres livros publicados. Estou tendo o prazer de ler durante as noites o primeiro deles, "Quicksilver". Os antepassados dos personagens de "Cryptonomicon" aparecem interagindo com figuras historicas como Benjamin Franklin, Isaac Newton e Leibniz. O primeiro livro trata da transicao do pensamento baseado na alquimia para o pensamento empiricista e cientifico. Perseguicoes religiosas nao faltam, assim como a ideia de que desenvolvendo os aparelhos certos, seria possivel fazer qualquer calculo em segundos e, finalmente, transformar ferro em ouro.

No fim, nao deixa de ser ironico: a ciencia como uma especie de alquimia, o dinheiro como uma especie de fe. E eh isso mesmo.

3 Comentarios:

Blogger Velvet said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Código da Vinci elitizado? risos

Muitos bjos

janeiro 19, 2005 10:08 PM  
Blogger BB said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Nao, nao (risos). Quem for ler esperando um "Codigo da Vinci" vai se desapontar - este aqui tem muitos personagens e vai e vem no tempo...

O "da Vinci" intelectualizado (mas sem ser chato) eh "O Pendulo de Foucault" do grande Umberto Eco. Esse vale a pena ler...

Bjs.

janeiro 20, 2005 1:32 PM  
Blogger Velvet said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Eu lerei! Após essa maratona de "Aprenda Direito do Trabalho em 10 dias"!!!!!!!!

Beijinhos

janeiro 20, 2005 5:21 PM  

Postar um comentário

<< Home

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons License. Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com