quarta-feira, agosto 10, 2005

Idéias de Moço




Ontem vi na TV a palestra de Roberto Jefferson aos estudantes de Direito da USP. O deputado foi vaiado quando tentou se defender (gritos de “Picareta! Picareta!”) e aplaudido quando criticou o presidente, a quem chamou de preguiçoso por entregar a administração do país a José Dirceu. O que mais me impressionou foi o coro dos estudante, num auditório lotado: “Fora Lula! Fora Lula!”

A Faculdade de Direito da USP é a tradicionalíssima escola que foi criada logo após a Independência. Seus estudantes tiveram participação de destaque em todos os movimentos políticos desde a Abolição e a República. Idéias de moço, dizia um escritor da época. Será que irão iniciar outro? Nestes dias de início de semestre, em que as ruas estão cheias de estudantes levando trote, tenho pensado com esperança no papel que eles podem desempenhar – talvez sejam os catalizadores do movimento de reação à crise, mesmo que a UNE continue a apoiar o governo.

Talvez a grande incógnita para o futuro imediato do Brasil seja saber como irão pensar, votar e agir os jovens que iniciam sua vida como eleitores e cidadãos sob a decepção com o governo Lula. Na minha própria história de vida, foi muito marcante ter começado a me interessar por política com a primeira eleição direta para presidente, e depois participando dos protestos do Fora Collor. Ambas foram experiências que deixaram uma herança positiva, de mobilização, de fazer acontecer.

O que sentirão os adolescentes de hoje? No domingo eu conversava com uma prima de 17 anos, que por coincidência presta o vestibular para Direito, e ela defendia uma ditadura como solução para os problemas brasileiros. Espero que o nível de idéias e de expectativas ande melhor do que isso.

8 Comentarios:

Blogger BSBNews said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Maurício,

o Deputado Paulo Marinho (PL) acaba de fazer um contundente discurso atacando o Presidente do STJ, Edson Vidigal. apresentou provas de que o Ministro adulterou sua certidão de nascimento, ganahndo cinco anos a mais e mudando o nome. Ladrão, interessado e gatuno foram as palavras mais dóceis do discurso.

Logo após um Deputado do PDT - não lembro o nome - pediu a palavra e emendou as denúncias, incluindo também o presidente do STF.

Enquanto isso, o presidente Lula anuncia um pronunciamento para a semana, jornais dão conta de uma eventual convocação do Conselho da República e altas plumagens brasilienses atestam que o mundo cairá se uma notícia específica surgir nesse final de semana.

Segue, enfim, a crise. Sentada na praça dos Três Poderes e calmamente comendo pipoca.

agosto 10, 2005 5:55 PM  
Anonymous Marcus Pessoa said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Bem, o coro de "Fora Lula" era apenas de uma parte dos estudantes. Outra parte, significativa, ficou calada, aparentando constrangimento.

De qualquer forma, é triste o que o país está passando hoje. Na época de Collor havia alternativas. Hoje, além do PT, só temos mais do mesmo.

Não me surpreendo nem um pouco com pessoas nostálgicas da ditadura (que nem conheceram). Nem tampouco com a simulação do Datafolha: em caso de ausência de Lula na próxima eleição, a maioria de seus votos migra para Garotinho...

agosto 10, 2005 8:14 PM  
Blogger JSR said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

(continuando o post anterior do marcus)... o que é assustador.

Pior do que as idéias de ditadura da sua prima, Maurício, é a falta de idéias de uma parcela imensa da juventude - principalmente nas supostas "elites" que possivelmente herdarão o poder que está aí. Me preocupa mais que a apatia e o conformismo se generalizem do que a participação e a formação de uma consciência política - de direita ou esquerda, tanto faz.
Júlio

agosto 10, 2005 11:40 PM  
Anonymous Luiz said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Grade Maurício. Pasei só pra dizer alô e me dsculpar por nunca mais ter vindo aqui conferir seu ótimo blog. No meu trabalho tiveram a infeliz idéia de bloquear diversos serviços de blog e em casa eu enchi o saco do Velox, por isso tô sem acesso.

Essa sua preocupação é mais que relevante. Também tenho ouvido de gente nova esse tipo de idéia reacionária ou completamente alheia, alienada...

Mas a gente não pode deixar isso acontecer. Sempre que posso falo alguma coisa no sentido de contribuir para a formação do sujeito, enfim.

Grande abraço.

agosto 11, 2005 11:58 AM  
Blogger Anjo Mecanico said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Penso que a juventude hoje não é especialmente mais reacionária que a juventude ontem, se assim fosse, não teríamos vivido sob a ditadura tanto tempo na República.

Muito mais importante que isso é, no meu entender, a quantidade de pessoas "esclarecidas" que endeusa Getúlio Vargas, que reforça um estereótipo de herói. Isso e muito mais sério que uma juventude das turmas de direito que querem a ditadura.

Afinal, as turmas de direito são, em geral, de discurso predominantemente reacionário, afinal fazem direito...

agosto 11, 2005 1:22 PM  
Blogger Mauricio Santoro said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Meus caros,

tenho visto entre os jovens mais mobilizados um sentimento de impotência. Pessoas que gostariam de participar, mas que vêem a política como algo inevitavelmente corruptos. Podemos culpá-los de pensar assim, dado o estado do país?

O que eu, que leciono ciência política, posso dizer a meus alunos sobre isso?

A se manter esse quadro, acho que teremos um quadro semelhante ao da Argentina. Descrença nos políticos, "voto bronca" (alto índice de nulos/brancos) e a eleição de um outsider à presidência.

Acho que Garotinho não cola. Ele atinge o eleitorado desqualificado, mas duvido que consiga o apoio da elite, que só toparia um sujeito como ele.

Abraços

agosto 11, 2005 6:06 PM  
Anonymous Helvécio said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

ALternativas ao PT? Qualquer coisa que nõa seja um "produto Duda Mendonça" é melhor que esse governo fantoche!
Não se pode culpar os jovens por sua inaptidão se o presidente é um exemplo inequívoco de desqualificação. à época da vitória de Lula a mídia e geral chegal a fazer uma nefasta propaganda da vida de Lula. exaltando suas origens miseráveis! Ora, é por causa de milhões de pessoas com pouco estudo que ele está lá! Ainda assim vale lembrar Churchill quando disse que "a democracia é o pior regime depois de todos os outros". É preciso esperar a campanha do PSDB, na minha opinião o único partido capaz de vencer a turma do mensalão. Nõa votei no Serra nem no Lula, foi um voto "argentino" estava certo!

agosto 12, 2005 1:07 AM  
Blogger Mauricio Santoro said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Salve, Helvécio.

Hoje a Folha traz uma pesquisa onde Serra aparece vencendo Lula no segundo turno - e isto antes de Duda Mendonça jogar a campanha no ventilador.

O presidente também perdeu apoio entre as camadas mais pobres da população. Vamos ver se Lula vetará o aumento do mínimo.

Abraços

agosto 12, 2005 10:05 AM  

Postar um comentário

<< Home

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons License. Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com