sexta-feira, março 04, 2005

Manual das Pobres no BBB

Não tenho escrito sobre o Big Brother porque o programa ficou um tanto chato com a eliminação dos vilões. O público, no seu anseio por justiça, limou parte da diversão. Imaginem "Senhora do Destino" sem a Nazaré. Pois é. No último paredão Tatiana, um esteriótipo ambulante da loura marrenta, perdeu para Aline, que entrou no show pelo sorteio, após Marielza (alguém ainda lembra dela?) ter um derrame no ofurô.

A permanência de Aline me inspirou a elaborar regras de sobrevivência para as pobres que entram de gaiato no fantástico mundo da classe média modernex do BBB:

1 - Seja humilde. O Brasil é um país conformista. Os pobres merecem solidariedade e carinho paternalista, como ganhar roupas usadas e cobertor velho, mas só se souberem seu lugar.

2- Seja burra. Inteligência assusta e com freqüência se confunde com arrogância. Em nenhuma circunstância apareça com livros, a não ser talvez a Bíblia (ver item 4).

3 - Seja feia. Beleza ofende. Vai indispô-la com as donas de casa frustradas que compõem boa parte do eleitorado e os homens também votarão em você, porque têm pressa em ver seu ensaio na Playboy. Exceção: em apenas uma noite, durante a festa, apareça bonita. Isso vai dar esperanças a muita gente do outro lado da tela ("Eu também posso!").

4 - Seja religiosa, moderadamente, de preferência com gestos católicos, mais aceitos socialmente. Referências a santos gente boa, como S. Francisco de Assis, contam pontos. Deixe de fora a leva de nazi-fascistas beatificados por João Paulo II, como a turma da Opus Dei.

5 - Faça referência, de passagem, aos parentes que você vai ajudar se ganhar o prêmio. Inválidos e crianças em destaque.

6 - Leve umas empadinhas para vender aos colegas da casa ("É para me dar uma força, pessoal").

7- Mostre despreparo para lidar com os aparelhos e eletrodomésticos mais sofisticados.

8- Seja branca ou morena. Negras não vencem o Big Brother. Quem elas pensam que são?

9- De vez em quando chore com saudades da família e do seu barraco. Aproveite a oportunidade para dizer que lá é que você se sente feliz.

É isso. Deixo-vos com a frase da semana, dita terça-feira por um repórter do folhetim das 20h: "Sou jornalista, mas sou responsável!".

1 Comentarios:

Blogger BB said... Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Carissimo,

"Sou jornalista, mas sou responsável!"

A que ponto chegou o jornalismo? =)

Sua receita vencedora para o BBB eh perfeita. Ser pobre e humilde garante a vitoria no BBB, na Presidencia da Republica e na Presidencia da Camara... ser honesto, bom ahi eh outra historia!

Abraco.

março 05, 2005 12:03 AM  

Postar um comentário

<< Home

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons License. Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com